sexta-feira, 11 de março de 2011

Menina nua

Postado por Cláudia Figueiredo às 14:15
Uma menina corria na rua nua

Sem chinelos nos pés

Nem fitas nos cabelos cortados curtos

Ela corria, corria e ninguém a via

Buscava a mãe que partia...

Mas o desamor era tão grande

Que nem piedade da filha sentia

Seu coração de pedra não doía

E ela mandava a menina voltar...

Incessantes apelos, choro e soluços

E uma mão agarrada ao pulso

Fez a cruel olhar

Irritada com tanto barulho, decide voltar, a menina arrumar

E consigo levar

Mas tantas vezes fez a mesma cena a menina protagonizar...


A visão era dantesca

Mas ninguém podia ajudar

A menina corria, corria nua

Contra o tempo a passar...

Cansada de tanta corrida

Mas olhando já perto a saída

A menina que corria na rua

Parou de andar nua

Mas não aprendeu a se tapar

Corpo de mulher coberto

Alma de menina nua

Continua correndo à procura

Da mãe que nunca parou de andar...

Cláudia Figueiredo

1 comentários:

Rafael Fiorini Martins on 11 de março de 2011 14:29 disse...

Interesting...

 

Cláudia Figueiredo Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template | templates gratis Vector by Artshare