quarta-feira, 23 de março de 2011

Sem o violeta dos olhos de Lyz

Postado por Cláudia Figueiredo às 09:33

Hoje o meu mundo acordou menos azul. Morre de insuficiência cardíaca, Elizabeth Taylor. A atriz de 79 anos, não sobreviveu a uma cirurgia no coração, no Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles. Desde criança, a dona de raros olhos violetas, aprendeu o significado da palavra sucesso.

Menina prodígio, Lyz fez minha alegria na infância, como protagonista de “Lassie”. Também nunca vi Cleópatra mais empolgante. Enfim. Descanse em paz, minha musa!

Um pouco mais sobre Lyz.

Em 2009, a diva já havia passado por uma cirurgia para substituir uma válvula defeituosa no coração e estava presa a uma cadeira de rodas, há mais de cinco anos. Lyz sofria com dores crônicas.

Em 1997, também passou por uma delicada operação para remover um tumor do cérebro e no passado também já teve problemas com o vício em álcool e drogas. Uma das maiores atrizes de Hollywood, ganhadora de dois Oscars, Taylor foi pioneira no desenvolvimento de ações filantrópicas, levantando fundos para as campanhas contra a AIDS a partir dos anos 80, logo após a morte de Rock Hudson. A despeito de ter nascido fora dos EUA, em 2001 recebeu do presidente Bill Clinton, a segunda mais importante medalha de reconhecimento a um cidadão norte-americano: a Presidential Citizens Medal, oferecida pelos seus vários trabalhos filantrópicos. Nessa época se agravaram os problemas de saúde, ganhando peso e sendo levada a internações recorrentes em hospitais. Uma casadoira de carteirinha, Liz subiu ao altar oito vezes numa prova de que nunca deixou de acreditar no amor.

A musa ficou famosa ao estrelar os longas Assim Caminha a Humanidade (1956), Gata em Teto de Zinco Quente (1958), De Repente, No Último Verão (1959) e Cleópatra (1963).
O talento da diva foi reconhecido pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood com dois Oscar. O primeiro foi recebido em 1961 por Disque Butterfield 8. Já a segunda estatueta veio no ano de 1967 pelo filme Quem Tem Medo de Virginia Woolf?.



Abaixo, veja a filmografia completa da atriz:

1994 - Os Flintstones
1989 - Doce Pássaro da Juventude (filme feito para a TV)
1988 - Il Giovane Toscanini
1987 - Poker Alice (filme feito para a TV)
1986 - Cenas de Mulher (filme feito para a TV)
1985 - Malice in Wonderland (filme feito para a TV)
1983 - Between Friends (filme feito para a TV)
1980 - A Maldição do Espelho
1979 - Winter Kills
1977 - A Little Night Music
1976 - Victory at Entebbe (filme feito para a TV)
1976 - The Blue Bird
Queen of Light/Mother/Witch/Maternal Love
1974 - O Ocaso de uma Vida
1973 - Ash Wednesday
1973 - Night Watch
1973 - Divorce His - Divorce Hers (filme feito para a TV)
1972 - Hammersmith Is Out
1972 - Under Milk Wood
1972 - X, Y e Z
1970 - Jogo de Paixões
1969 - Ana dos Mil Dias
1968 - Secret Ceremony
1968 - O Homem que Veio de Longe
1967 - The Comedians
1967 - O Pecado de Todos Nós
1967 - Doctor Faustus
1967 - A Megera Domada
1966 - Quem Tem Medo de Virginia Woolf?
1965 - Adeus às Ilusões
1963 - Gente Muito Importante
1963 - Cleópatra
1960 - Disque Butterfield 8
1960 - Scent of Mystery
1959 - De Repente, No Último Verão
1958 - Gata em Teto de Zinco Quente
1957 - A Árvore da Vida
1956 - Assim Caminha a Humanidade
1954 - A Última vez que vi Paris
1954 - Beau Brummell
1954 - No Caminho dos Elefantes
1954 - Rapsódia
1953 - The Girl Who Had Everything
1952 - Ivanhoé, o Vingador do Rei
1952 - Love Is Better Than Ever
1951 - Quo Vadis
1951 - Um Lugar ao Sol
1951 - O Netinho do Papai
1950 - O Pai da Noiva
1950 - The Big Hangover
1949 - Traidor
1949 - Quatro Destinos
1948 - Julia Misbehaves
1948 - A Date with Judy
1947 - Cynthia
1947 - Nossa Vida com Papai
1946 - Courage of Lassie
1944 - A Mocidade é Assim Mesmo
1944 - The White Cliffs of Dover
1943 - Jane Eyre
1943 - Lassie Come Home
1942 - There's One Born Every Minute




0 comentários:

 

Cláudia Figueiredo Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template | templates gratis Vector by Artshare